sexta-feira, 11 de julho de 2014

Desafio


Eu te desafio a reclamar menos do que não dá certo,
E a sorrir a cada pequena conquista.
A, ao invés de olhar sempre para a própria vida, virar um pouco a cabeça e enxergar o outro,
A saborear cada passo e não te preocupar somente com a meta final.
A, por mais que as coisas fiquem nebulosas, não endurecer.
A entender que certos vazios fazem parte do processo.
A não se esquecer das delicadezas que importam tanto.
A lembrar sempre que todo mundo tem uma força que só aparece na hora do aperto,
E a se deixar enfraquecer às vezes.
A ter consciência que ninguém está aqui por acaso e que precisamos ter objetivos concretos na vida,
E a aceitar que nem sempre descobrimos quais são esses objetivos cedo.
A nunca desistir de tentar e a não se esconder no primeiro não.
A entender que sonhos são fundamentais para a nossa sanidade mental.
E a não esquecer de quem nos acolhe.
A: Juliana


0 comentários:

Comigo agora

  ©Template Fragmentos (Textos, Poesias, etc) by Silmara Layouts