sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

A importância do AGORA


A importância do agora
Nada no futuro, nem um segundo além dele, pode ser manipulado como gostaríamos que fosse e qualquer coisa que tenhamos feito momentos atrás, já pertence ao passado.
Não obstante possamos nos arrepender, o que está feito não pode ser desfeito. Isso está fora de nosso alcance; assim é inútil preocupar-se seja com o passado seja com o futuro. Somente o agora, este momento, é a hora importante de nossa vida, pois é o que está sob nosso comando.
Nunca é tarde demais dizer que a felicidade ou infelicidade, êxito ou fracasso, dependem da utilização apropriada do agora. Por exemplo, se a semente de uma boa ação for plantada já, com o tempo germinará, dará frutos e proporcionará alimentos. Uma única semente, pois, pode produzir bons resultados; da mesma forma se cada momento de nossa vida for utilizado da melhor maneira possível e praticarmos boas ações poderemos ao longo do tempo gerar uma corrente de continua felicidade para nós.
Do livro: Ensinamentos de Nidai Sama.
Aos meus amigos seguidores e visitantes, sinceros votos de um maravilhoso Natal. Que 2013 seja o ano de suas realizações. Paz, saúde, prosperidade e muito amor..
BOAS FESTAS!!!
FELIZ ANO NOVO!!!
Muito obrigada pela presença de vocês na minha vida... Bjssss.

Leia Mais

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Máscaras



A arrogância, o orgulho e a soberba são como mascaras. Quem as coloca quer esconder alguma coisa.

Leia Mais

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Noite de estrelas


   "Maravilhosas sejam as estrelas no céu, mesmo elas sendo tão pequeninas comparadas ao astro rei o Sol conseguem ser tão belas e formosas, conseguem deixar uma noite mais feliz e mais cheia de amor e esperança.
Talvez seja somente eu que fico assim ao ver o céu tão estrelado e bonito, como hoje.
O céu mesmo sem aquela magnífica e majestosa Lua cheia está tão bonito quanto, bendita foi a hora em que sai no quintal sem motivo, e como de costume olhei para o céu e me apaixonei novamente por ele, hoje pra me cortejar o céu da noite não me trouxe o brilho luxuriante da Lua e sim as gotas de alegria das estrelas que mesmo tendo um dia difícil me fizeram sorrir."
Fonte: jessyhistorias.blogspot.com

Leia Mais

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Quero




"Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém. E poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fecha os olhos, e que faço falta quando não estou por perto."
A: Mário Quintana.

Leia Mais

domingo, 28 de outubro de 2012

Enem 2012

(Exame Nacional do Ensino Médio)
Vai encarar? É agora, nos dias 3 e 4 de novembro!
Alô estudante se vai encarar alguma prova ou mesmo participar de algum concurso, vai aqui algumas dicas para que você se saia bem nos testes.
Uma prova é antes de tudo, um ritual de passagem que pode significar o ingresso em uma universidade, mudança na rotina e até no circulo social.
A família deve ser a maior provedora de segurança. Procurar transmitir autoconfiança neste momento é um fator importante.
Tem que acreditar no estudante, evitar cobranças, muito menos no dia da prova.
Convém ao aluno manter a calma e se alimentar corretamente.
Confira algumas dicas:
1º)
Alguns dias antes da prova
  • Procure se alimentar bem, sem abusar de frituras ou de outros alimentos gordurosos.
  • Aproveite para rever o que foi ensinado no começo do ano para refrescar a memória.
  • Durma bem, cerca de 8 horas por noite. Passar as madrugadas estudando só causa cansaço.
  • Se surgirem duvidas simples, aproveite para tirá-las com os professores.
2º)
Na véspera
  • Visite o local em que você fará a prova e calcule o tempo de ida até o local, para evitar atrasos no dia da prova. Confira se seu nome consta na relação afixada no local.
  • Separe comprovante de inscrição, documento com foto e acessórios necessários como lápis preto, caneta esferográfica azul ou preta (de plástico transparente). Monte um estojinho para não esquecer ou perder itens pelo caminho.
  • Procure fazer atividades relaxantes e descontraídas, como ir ao cinema ou ao parque.
  • Durma no horário que está acostumado.
  • Faça refeições leves, porém nutritivas, com legumes, verduras, carnes magras e grãos.
3º)
No dia
  • Dependendo, acorde no horário habitual e faça um café da manhã reforçado.
  • O almoço, seguindo a dieta da semana, também deve ser leve. Comidas gordurosas e pesadas provocam sono e atrapalham a concentração.
  • Chegue ao local da prova com, no mínimo, meia hora de antecedência.
  • Procure levar água, sucos ou bebidas isotônicas, além de frutas e barrinhas de cereais (opte pelo que for melhor). Se não estiver muito calor, o chocolate é uma boa opção também.
  • Procure fazer a prova com calma e concentração. Caso fique nervoso, feche os olhos, respire fundo por alguns segundos, se acalme e volte a se concentrar na prova.
  • Não gaste muito tempo em questões difíceis. Faça uma primeira leitura da prova resolvendo as questões mais fáceis, depois volte para as questões mais complexas.
  • Se tiver que “chutar” alguma alternativa na fase de testes, faça com frieza: analise as respostas e elimine as menos prováveis. A exclusão diminui a chance de erro.
  • Use todo o tempo disponível para revisar as respostas.

Fonte: Curso Objetivo, Anglo Vestibulares.
Boa sorte!!!

Leia Mais

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Outra idéia para cantinho de costura

Escolher os melhores caixotes que pegar do lado de casa, num fim de feira ou uma mercearia onde toda noite o dono coloca na rua, e lixar para tirar o grosso, já que eles são muito rústicos. O pé de máquina Singer pode ser comprado em um ferro velho. Passar um anti-ferrugem e pintar de branco com tinta spray. Arranje um tampo de mesa, em perfeito estado, (as vezes alguém joga fora), se preciso, apare um pouquinho para poder encaixar certinho.
Obs: Achei muito interessante.
Fonte:

Leia Mais

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Aprendi a me conhecer


Aprendi a me conhecer lentamente
A mudar rapidamente.
Quando me descubro já não sou.
Nunca estou satisfeito com que pude fazer,
Com o que pude realizar.
O que pude dizer,
o que fui capaz de sentir.
Sou perfeccionista com o passado.
Protegi meus sonhos em mantas grossas de mentiras
os ombros cobertos, como uma criança adormecida.
Tentando escapar do frio de palavras.
Por um pequeno descuido, um ínfimo deslize,
declarei meus segredos ao mundo.
As respostas chegaram em forma de versos.
Atrevi a desconhecer-me e então me reconheci.
 A: Fernando Palma

Leia Mais

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

A força da imaginação


Feche os olhos. Não precisa fechá-los. Imagine a seguinte cena: um bando de pássaros voando. Quantos pássaros viu? Cinco, onze? Seja qual for a resposta - e dificilmente alguém sabe dizer o número exato - algo fica claro nesta experiência. Você pode imaginar um bando de passáros, mas o número de aves foge ao seu controle. A cena era clara, definida e, em algum lugar existe a resposta para esta pergunta. Quem definiu quantos passáros iam aparecer na cena? Você não foi.
A: Paulo Coelho.

Leia Mais

sábado, 11 de agosto de 2012

Jangadeiros



                        Ao povo irmão e amigo do Nordeste
O jangadeiro batiza suas embarcações graciosas e leves, com nomes leves e graciosos: Graciosa, Duvidosa, Carinhosa, Veloz, etc. Á tarde, quando no horizonte aparecem as velas diminutas, a garotada na praia diverte-se em identificá-las, anunciando-as aos gritos. Algumas, só mesmo o olhar e o coração das esposas podem reconhecer. Mas é raro suceder uma infelicidade; o barco é muito estável e a tripulação hábil e corajosa.
Quanto a origem deste tipo de barco, sabe-se que era conhecido dos Tupis (com ausência de velas), que o usavam nos rios ou rente à costa, sendo impulsionado à força de remo, varejão ou unicamente levado pela correnteza. O complexo da vela parece ser contribuição de europeu e, assim, o jangadeiro teria herdado de seus avôs um ou outro elemento: do seu antepassaso português, ganharia o conhecimento da vela e o destemor pelo mar; da sua avó Índia, traria a jangada.
O fato é que o jangadeiro constitui no Nordeste um tipo original, emprestando a paisagem feição própria. As jangadas, pequenas e frágeis, oscilando no mar alto, oferece contraste que ressalta o lado heróico. E este tipo de caboclo audaz e despreocupado do perigo tem já merecido a consagração do seu valor nos versos contados dos poetas, principalmente dos bardos nordestinos.
Gostam os jangadeiros de contar suas proezas, algumas tão ingênuas quanto fantasiosas, fato comumente observados entre homens que levam uma vida afanosa e de aventura. De suas lendas e histórias, poder-se-ia compor uma das mais interessantes coleções.
A: Copiei.

Leia Mais

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Eu...

Por favor gente amiga, desculpem minha ausência aqui no Blog. Tenho andado sem tempo para postar novidades. Espero poder voltar logo. Sinto falta de vocês, dos comentários, de tudo. Tenho certeza que compreenderão e me perdoarão. Beijo no coração de cada um. Até mais...

Leia Mais

sábado, 30 de junho de 2012

Que soninho!

...Acho que adormeci!...

Leia Mais

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Dicas para festas infantis



A hora da decoração em uma festa é uma das partes mais importantes. Em se tratando de festa infantil, a importância da decoração é maior ainda, já que as crianças adoram festas temáticas com os seus personagens infantis favoritos. Justamente por isso preparamos algumas dicas para ajudar na hora da decoração da mesa de doces. Não é difícil, com estas dicas você vai ver como é fácil preparar uma mesa alegre, bonita e cheia de coisas gostosas.
Para a decoração infantil da mesa de doces, pense no tamanho da mesa em relação ao espaço que você terá disponível. Geralmente a mesa de doces fica colocada ao lado da mesa de bolo, mas se você achar que ficará melhor em outro espaço, fica a seu critério. Coloque uma toalha que combine com o resto da decoração. Lembre-se sempre disto na hora de escolher a toalha, pois não fica legal uma festa com decoração da Barbie, que é toda rosa, com uma toalha preta, por exemplo. Outra opção mais prática de toalha são as feitas com tnt, tule ou papel crepon. Desta forma você pode decorar a mesa da maneira que achar melhor, o resultado fica muito bonito.
Outra coisa a se pensar, são os recipientes que você irá colocar os doces. Sejam de vidro, ou de plástico, o suficiente para colocar os doces. Quanto aos doces que você irá por na mesa não existe regra. Você pode colocar balas de goma, jujubas, confetes coloridos, brigadeiros, beijinhos, chocolates, balas entre muitos outros doces. Você também pode fazer saquinhos surpresa e colocar um pouco de tudo dentro, as crianças adoram.
Você pode deixar a mesa de doces disponível desde o começo da festa, e conforme os doces vão acabando você vai repondo. Deixe disponíveis também pegadores para os doces. Se você preferir que os convidados peguem os doces somente depois dos parabéns, então não deixe os pegadores disponíveis.
Usando estas dicas e a sua criatividade, você prepara uma mesa de doces com facilidade, e o resultado fica muito bonito.
Fonte: navegandonaweb.com

Leia Mais

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Estou pensando

(Achei este lindo texto na net. Então vim dividir com você...)

Eu estou pensando em você assim com faço todos os dias, e eu lhe desejo felicidade.
E amanhã, porque será o dia seguinte ao dia que deixei de ver-te,
Eu ainda lhe desejarei felicidade.
Eu posso não ser capaz de lhe falar sobre isto diariamente,
Porque eu posso estar ausente, ou nós podemos estar muito ocupados.
Mas isso não faz diferença,
- Meus pensamentos e meus desejos estarão com você da mesma forma.
Qualquer alegria ou sucesso que você tenha, me fará feliz.
E eu ficarei contente. E serei feliz também.
Eu desejo a você tudo de bom.
Bjs.

Leia Mais

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Então

"Então o amor e a amizade são isso.
Não prendem, não escravizam, não apertam, não sufocam.
Porque quando vira nó, já deixou de ser laço."
A: Mário Quintana.

Leia Mais

domingo, 10 de junho de 2012

Foi assim

Depois de tudo que dissestes,
Naquela tarde em que te despedias,
Depois de olhar-te através do meu pranto,
Sofrendo, pude ver que tu sorrias.
Entendi que não teria volta,
Pelo menos enquanto não quisesses voltar,
Meu coração é que terá que decidir,
Por quanto tempo, quer deste amor viver,
Porque, por mim, eu não te recusaria,
Dentro de mim, ainda muito amor havia.
Conservá-lo até quando,
Eu não saberia...
Não olhe, não com esse olhar,
Que consegue minh’alma desnudar.
Foi assim, conversando com meu eu,
Busquei forças para ficar,
Aqui, no lugar que me deixastes,
A tua volta, esperar...
A: Ligia.

Leia Mais

terça-feira, 5 de junho de 2012

Salas pequenas... E lindas!





O site http://casa.abril.com.br/ sempre dá ótimas dicas e opções de decoração em pequenos ambientes. Além da sala procure informações sobre como decorar quartos, banheiros e cozinhas onde o espaço é necessário. Pode ser muito mais simples do que você pensa.
Fonte: navegandonaweb.com

Leia Mais

terça-feira, 29 de maio de 2012

Saudade

Saudade é solidão acompanhada, é quando o amor ainda não foi embora, mas o amado já...
Saudade é amar um passado que ainda não passou, é recusar um presente que nos machuca, é não ver o futuro que nos convida...
Saudade é sentir que existe o que não existe mais...
Saudade é o inferno dos que perderam, é a dor dos que ficaram para trás, é o gosto de morte na boca dos que continuam...
Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade: aquela que nunca amou.
E esse é o maior dos sofrimentos: não ter por quem sentir saudades, passar pela vida e não viver.
O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido...
Obs. Recebi o texto de uma amiga, com "autor desconhecido"... SERÁ???

Leia Mais

sexta-feira, 25 de maio de 2012

O suplício dos sapatos

Seu Moreira era um senhor de 50 anos, representante de um laboratório farmacêutico, o cliente mais amigo da sapataria do bairro onde morava, no subúrbio do Rio de Janeiro. Devido muito mais a barriga do que a própria idade tinha certa dificuldade para experimentar os sapatos e, por isso, não dispensava a ajuda do vendedor, que, com a humildade de sempre. Agachava-se e, com uma calçadeira, empurrava aquele pé gordo para dentro do sapato encolhido. Puxava o cadarço e dava o nó, enquanto seu Moreira fazia uma cara de dor, como se chupasse limão azedo.
Curioso, porém, era que o homem nunca reclamava, fazia sempre questão de levar sapatos de um numero menor que o seu. O vendedor, ainda que muito intrigado, não se julgava no direito  de questionar a decisão do cliente, mas sempre lhe vinha a mente a mesma pergunta: Por que o seu Moreira compra sempre sapatos menores?
Num belo sábado a tarde, seu Moreira apareceu muito bem disposto à sapataria. Nem parecia que tinha perdido a esposa há pouco tempo. De fato, estava alegre e de bem com a vida. Escolheu um novo modelo de sapatos, mais bonito e mais caro que o usual. Quando o vendedor lhe trouxe o numero de sempre, sorriu e disse: “Não, meu bom amigo. Não uso mais esse numero. Traga um maior, por favor”.
O sapato agora lhe coube como uma luva. Em vez de andar como se tivesse pisando em vidros, seu Moreira dava passos felizes e sorria quando andava. “Amigo, tenho certeza de que muitas vezes o intriguei quando comprava um sapato de numero menor que o meu e me obrigava a andar com aquelas dores nos pés. É que sendo muito mal casado, tinha uma esposa que me infernizava a vida, falando e reclamando todo o tempo que estava em casa. Quando no trabalho, eu me lembrava que, ao anoitecer, teria que voltar e suportá-la, consolava-me o fato de que pelo menos em casa poderia tirar os sapatos que tanto me atormentavam. Agora, depois de muito sofrer, vejo-me livre de dois tormentos e, por isso sinto-me tão feliz! Fiquei viúvo e, portanto, não preciso mais dos sapatos apertados.
Copiei.

Leia Mais

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Organizador feito com latinhas


Sim! Tudo á mão e de forma bem barata. As latas cilíndricas e compridas, onde os salgadinhos são embalados, agora podem ter um novo propósito: organizar pincel, lápis, caneta, tesoura, etc. Antes de colá-las umas nas outras para que fiquem firmes e formem um organizador só, elas bem que podem receber uma cobertura com um papel ou tecido que combine com a decoração do atelier, não é verdade?
Fonte: Copiei.

Leia Mais

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Desculpem-me a ausência

Olá gente amiga, tudo bem?
Devido a alguns probleminhas particulares e de trabalho, andei um pouco desligada dos meus 'Blogs'. Ah! Ainda mais essa, eis que encontro o "Blogger" com interface nova. Aí, deu um nó na minha cabeça, rsrs. Não tem problema, é preciso inovar...
E de quebra, como não poderia deixar de ser, a internet (é, a bendita internet,) sempre deixando os furinhos dela.
Agora estou aqui. Ainda não tão presente como gostaria, mas, cheia de vontade de recuperar o tempo perdido.
Agradeço aos que deixaram comentários, aos visitantes, etc.
A todos, um grande abraço.
Amo vocês!

Leia Mais

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Eterno presente!

“Minha vida não passa de um constante faz-de-conta...
Meus pensamentos insistem em envolver-se em coisas que me machucam...
Meus lábios só dizem uma palavra... seu nome!
Não tenho mais controle sobre mim...
Parece que ao pensar em você, não penso em mais nada!
É como se eu não vivesse mais para mim, mas... para você em todos os aspectos!!!
Não consigo entender... tento demonstrar ser forte a todo instante,
Mas se te vejo, não quero mais nada... apenas me acalentar em seus braços;
Esquecer meu passado... viver o presente... e não me importar com o futuro!
Sei que estou arriscada a me desapontar... me machucar novamente!
Mas sei também que devo sempre aproveitar...e agradecer...
A você, meu eterno presente...”
A: Jéssica Ramos.

Leia Mais

domingo, 13 de maio de 2012

Mundo

O mundo está nas mãos daqueles que tem coragem de sonhar e correr o risco de viver seus sonhos. Lembre-se: não vale a pena passar a vida sonhando e se esquecer de viver.

Leia Mais

quinta-feira, 10 de maio de 2012

É preciso viver o amor!

Dos filmes, novelas, contos de amor que li, por todos torci por finais felizes. Não media diferença entre ficção e realidade. Por mim seria sempre assim. Bastava fechar o capitulo, the end, fim... Onde ficaram o romantismo daqueles tempos de outrora? – me pergunto.
As músicas, tão poucas do amor sentido, o que querem dizer agora? – insisto.
Quem sabe aquelas mãos que um dia apertaram as nossas quisessem dizer “adeus”, e não, “prazer em conhecer” ou simplesmente “até logo”.
Chega uma hora em que bate o cansaço da espera e a gente é obrigada a ir atrás, pois quem não busca a felicidade corre o sério risco de não encontrá-la. Mesmo sem saber o que vamos encontrar, devemos perseverar. De repente ela já pode ter passado por nós sem nos ter reconhecido.
Hoje os finais felizes dos contos de amor ainda permanecem, só que escritos num imaginário papel facilmente rasgável e jogável ao vento. São por esses pequenos fragmentos que ficamos sabendo que existe amor. O amor que falta-nos a coragem de vivê-lo. E talvez por isso a felicidade tenha receio em se manifestar.
A: Ligia.

Leia Mais

sábado, 5 de maio de 2012

Mãe, quem é você?

Mãe, quem é você?
Se estou feliz,
Quantas vezes te esqueço;
Se estou triste,
Quantas vezes te procuro.
Mãe, quem é você,
Que eu critico,
De quem eu exijo coisas tão pequenas
Para satisfazer a minha comodidade,
Mas a quem peço a maior ajuda
Nos instantes mais difíceis?
Mãe, quem é você,
Para quem eu tantas vezes
Esqueço o meu carinho,
E de quem exijo tanta atenção?
Mãe, quem é você, com que discuto
E para quem peço conselhos?
Mãe, quem é você,
Para quem reclamo sempre,
E para quem guardo
O abraço maior e a maior ternura.
Mãe, eu sei,
Você só é... AMOR.
A: Maria Helena Gouveia
Fonte: comamor.com.br

Mãezinha querida, esteja onde Deus a tenha colocado, descanse em paz.
Da sua filha,
Ligia.

Leia Mais

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Quando o sol se for...

Olho o sol que começa a esconder-se e tenho vontade de segui-lo. Arrisco alguns passos e vejo que não é possível. Então estendo as mãos achando que posso tocá-lo. Bem sei que não!
Mesmo assim, como uma menininha, abro os braços e espero... Inocentemente acho que posso abraçá-lo.
Minha pele arrepiada não é barreira para impedir que a magia dos raios solares inunde a minha alma.
Belo por do sol!
Um suave calor na face me faz acreditar que seja um beijo. Fecho os olhos e deixo me enternecer.
É noite... Eu ainda estou aqui...
O sol, finalmente se pôs, e quando aparecer já será outro dia.
Ele não vai me ver como eu o vi. Vou estar escondida numa lua...
A: Ligia.

Leia Mais

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Sociedade


            
Feliz daquele que sabe o papel que tem a desempenhar na sociedade, da qual é peça integrante e inseparável.
Viver e vegetar sempre foram o marco diferencial da conduta humana, vista que, enquanto uns gozam a vida em toda a sua plenitude, outros a contemplam, num perpassar inesquecível de dias sem significação alguma, pela razão de que não vivem e simplesmente vegetam.
Por isso é que, em qualquer organização social, uns se conduzem e outros são conduzidos, por causa de aos primeiros ser facilitado e aos segundos, tudo dificultado.
Essa desigualdade entre os que sabem o que querem, e por si se dirigem ao ponto culminante da trajetória que delinearam, e os que caminham impulsionados pela vontade de outrem, é o que se pode chamar de incógnita a decifrar e a corrigir, para que os meios e os fins sejam produto dos princípios sadios a observar na formação dos jovens e conseqüentemente de grande responsabilidade dos adultos.
Copiei.

Leia Mais

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Jasmineiro em flor


Houve um tempo em que minha janela se abria para um terreiro, onde uma vasta mangueira alargava sua copa redonda. A sombra da árvore, numa esteira, passava quase todo o dia sentada uma mulher, cercada de crianças. E contava histórias. Eu não a podia ouvir, da altura da janela; e mesmo que a ouvisse, não a entenderia, porque isso foi muito longe, num idioma difícil. Mas as crianças tinham tal expressão no rosto, e às vezes faziam com as mãos arabescos tão compreensíveis que eu participava do auditório, imaginava os assuntos e suas peripécias e me sentia completamente feliz.
Às vezes, abro a janela e encontro o jasmineiro em flor. Outras vezes encontro nuvens espessas. Avisto crianças que vão para a escola. Pardais que pulam pelo muro. Gatos que abrem e fecham os olhos, sonhando com pardais. Borboletas brancas, duas a duas, como refletidas no espelho do ar. Marimbondos que sempre me parecem personagens de Lope de Vega. Às vezes, um galo canta. Às vezes um avião passa. Tudo está certo, no seu lugar, cumprindo o seu destino. E eu me sinto completamente feliz.
Mas, quando falo dessas pequenas felicidades certas, que estão diante de cada janela, uns dizem que essas coisas não existem, outros que só existem diante das minhas janelas, e outros, finalmente, que é preciso aprender a olhar, para poder vê-las assim.
A: Cecília Meireles.

Leia Mais

domingo, 15 de abril de 2012

Lá vai ela!

Moça bonita, passos cadentes,
Parece nas nuvens, assim tão faceira,
É ela que requebra ao som da bateria,
É ela que leva ao delírio a galera inteira.
As mãos quase que desenham,
Um arco cheio de flores,
No olhar a brejeirice
De quem domina mil amores.
Balançando o quadril, sabe que desperta,
Pensamentos de volúpia na rapaziada,
Já foi de alguns, mesmo assim espera,
A vez de ser verdadeiramente amada.
Lá vai ela ao som dos assobios,
Sabe que vai sem escolher caminhos,
Para ela tanto fez ou tanto faz,
Nem liga o chão cheio de espinhos.
E lá vai ela, sensual, muito atrevida,
Entregue aos seus devaneios,
Desfilando inconsequente,
Nas passarelas da vida.
A: Ligia.

Leia Mais

terça-feira, 10 de abril de 2012

Banheiros pequenos

Banheiros pequenos podem ser muito aconchegantes, basta saber as ferramentas disponíveis na hora de decorá-lo. Além disso, ainda é possível dar a impressão de que eles são maiores do que realmente são, algumas cores, acessórios e truques podem ajudar a ampliar esse ambiente.
Móveis planejados são uma boa pedida para os banheiros pequenos, afinal, seria impossível colocar móveis grandes demais no ambiente, ficaria algo desproporcional, assim como colocar móveis pequenos demais. O que deve ser sempre lembrado é que uma boa circulação é essencial. Em banheiros estreitos, por exemplo, uma bancada menos profunda que as convencionais já facilita muito a circulação.
Portas de correr podem fazer o ambiente ficar menos claustrofóbico. Somado a paredes brancas ele dá a impressão de ser maior. Outra dica para dar uma impressão maior do que a realidade é deixar uma parede inteira apenas com espelhos. Irá dobrar o tamanho do ambiente. Claridade e ventilação aumentam a sensação de comodidade, outra dica que pode ser adotada.
Um ótimo truque pode ser feito na escolha do tamanho dos azulejos do banheiro. Quando se minimiza o rejunte, fica a sensação de que a parede é longa, o que amplia visualmente o espaço. Esse truque pode ser usado também no chão, mas nesse caso substitui-se os azulejos por grandes peças de porcelanato. Um detalhe que dá muita leveza ao ambiente pequeno é a madeira em cores claras. Nichos do armário com esse acabamento já podem trazer ótimos resultados.
Emoldurar o espelho com mosaicos e desenhos alegra o espaço, afinal, ter um banheiro pequeno não significa que não se deva deixar levar pela imaginação e pela idéias, muito pelo contrário, é exatamente nesse tipo de ambiente onde a mente deve viajar na hora de decorar. Ousadia e combinações inusitadas podem surpreender e trazer um resultado muito além do esperado.
Fonte: navegandonaweb.com

Leia Mais

quinta-feira, 5 de abril de 2012

A ratoeira

Um rato, olhando pelo buraco na parede, vê o fazendeiro e a esposa abrindo um pacote. Pensou logo no tipo de comida que poderia haver ali. Ao descobrir que era uma ratoeira, ficou aterrorozado. Correu ao pátio da fazenda advertindo a todos:
- Há uma ratoeira na casa! Há uma ratoeira na casa!
A galinha disse:
- Desculpe-me, senhor Rato, eu entendo que isso seja um grande problema para o senhor, mas não me prejudica em nada, não me incomoda.
O rato foi ao porco e disse-lhe:
- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira!
- Desculpe-me senhor Rato, mas não há nada que eu possa fazer, a não ser rezar. Fique tranqüilo qe o senhor será lembrado nas minhas preces.
O rato dirigiu-se, então, a vaca. Ela lhe disse:
O que, senhor Rato, uma ratoeira? Por acaso estou em perigo? Acho que não!
Então o rato voltou para casa cabisbaixo e abatido, para encarar a ratoeira do fazendeiro. Naquela noite ouviu-se um barulho, como o de uma ratoeira pegando uma vitima. A mulher do fazendeiro correu para ver o que havia pegado. No escuro, ela não vira que a ratoeira havia pegado a cauda de uma cobra venenosa. A cobra picou a mulher.
O fazendeiro a levou imediatamente ao hospital. Lá o medico aplicou o soro, mas exigiu que a mulher seguisse uma dieta alimentar. Assim que chegou em casa, o fazendeiro pegou seu cutelo e foi providenciar o ingrediente principal da canja de galinha que serviria a esposa.
Muitos amigos e vizinhos foram visitar a mulher enquanto ela estava em repouso e, para alimentá-los, o fazendeiro matou o porco e deu de comer. Quando finalmente a mulher melhorou, o fazendeiro resolveu fazer um churrasco e, para alimentar todos os convidados, matou a vaca.
Moral da historia: “Jamais imagine que o problema dos outros não lhe diz respeito. Lembre-se de que, quando há uma ratoeira na casa, toda a fazenda corre risco”.
Fonte: Jornal  

Leia Mais

sexta-feira, 30 de março de 2012

Aromatizador de ambientes

Nada melhor que entrar em casa e sentir aquela agradável sensação proporcionada pelo cheiro da sua essência predileta. Além de bem-estar, essa atmosfera influencia diretamente na saúde física. A “ciência dos cheiros” tem até nome, é a aromaterapia. O bom nessa história é que você mesma pode fazer o seu aromatizador.
A equipe do site Bicha Fêmea dá um passo a passo bem simples. Confira!
Você vai precisar de:
1 garrafa de vidro (reaproveite a embalagem)
Água mineral
Álcool de cereais (encontrado em empórios naturais)
20ml de essência da sua preferência (também encontrado em empórios)
Palitos de churrasco (corte as pontinhas)
Mãos à obra:
Lave bem o vidro. Certifique-se de que não resta nenhum resíduo no recipiente. Misture os ingredientes nas seguintes proporções: 100ml de água mineral + 100ml de álcool + 1 essência de 10ml (ao seu gosto) + 8 palitinhos de churrasco.
E pronto! Na hora de enfeitar, use e abuse da sua criatividade.
Fonte: bicha fêmea.

Leia Mais

quinta-feira, 22 de março de 2012

Fora o lixo!

Certo dia, peguei um taxi para o aeroporto. Estávamos rodando na faixa correta, quando um carro saiu repentinamente do estacionamento direto na nossa frente.
O taxista pisou no freio bruscamente, deslizou e escapou da colisão. Foi por um triz! O motorista do outro carro sacudiu a cabeça e começou a gritar nervosamente para nós.
O taxista apenas sorriu e, de maneira bastante amigável, acenou para o cara, fazendo um sinal de positivo. Indignado, lhe perguntei: “Por que é que você fez isto? Este individuo quase arruína o seu carro e nos manda para o hospital!”
Ele explicou que muitas pessoas são como caminhões de lixo. Andam por aí carregadas de lixo na alma, cheia de frustrações, raiva, traumas e desapontamentos. À medida que suas pilhas de lixo crescem, elas precisam de um lugar para descarregar e, às vezes, descarregam sobre os outros. Portanto, nunca tome isso como pessoal, isso não é problema seu, é deles. Apenas sorria, acene, deseje-lhes o bem e vá em frente.
A vida é 10% do que você faz dela e 90% da maneira como você a recebe.
Tenha um bom dia... E lembre-se: Não pegue lixo de outras pessoas!
Copiei.

Leia Mais

sábado, 17 de março de 2012

A gratidão


A gratidão é uma virtude confortadora. É o reconhecimento sincero por um beneficio recebido. Uma amizade que é paga com outra ainda maior. É o troco das almas. Toda pessoa que se preza de ser educada ou civil, no convívio com seus semelhantes, reflexo do amor. Só não sabem agradecer os rudes e os sem alma.
Nada faz mais sofrer o espírito delicado do que a ingratidão. Não troca espinhos a quem oferece flores, é uma das coisas mais tristes e mais pungentes da vida. Quem não sabe ser grato, não pode ser humano, não merece viver entre as criaturas dotadas de raciocínio.
A gratidão é a companheira da harmonia. Com ela se unem mais os elos de uma amizade, crescem mais robustas as raízes de um amor.
A gratidão é um dos mais belos deveres humanos. É uma virtude confortadora. Devemos reconhecer os benefícios ou as graças recebidas e lembrarmos sempre que a ingratidão faz padecer as pessoas sensíveis.
DEIXE ESTAR:
Cada dia que passa, os corações descobrem que o bom da vida não é produzir espinhos para ferir seus irmãos, mas multiplicar flores que enfeitam, que perfumam e sugiram aos desencantados homens da terra que ainda há belezas grátis, modos gentis de levar a vida, filosofia que independe do dinheiro. Siga em frente, certo de andar certo, quando promete de manhã, fazer do seu dia um estendal de muitas flores ao longo das estradas desta vida.
Para distribuir rosas pelos caminhos, seus dedos hão de picar-se muito. Quem disse que lidar com flores não machuca?
Mas, ferindo ou não, paciência. O dever é nosso, quando descobrimos que os homens são nossos irmãos.
A: Padre Vasconcelos.                                                       

Leia Mais

segunda-feira, 12 de março de 2012

Gavetas organizadas



Uma mostra...
 4 passos e sua “gaveta da bagunça” ficará impecável!
Todo mundo, com algumas exceções, tem “a gaveta da bagunça” em casa, não é verdade? Eu tinha todas! Um dia, lendo o que uma blogueira amiga escreveu fui levada a ver que podia aprender a organizar essas gavetas, eliminando tudo o que era desnecessário.
Se cair na fraqueza de tornar uma gaveta bagunçada novamente, vou recorrer a essas dicas infalíveis: Vejam como é fácil!
1 – Esvaziar:
Abra a gaveta e, sem pestanejar, tire tudo que estiver dentro dela. Num primeiro momento a sensação é de choque quanto ao número de tranqueiras naquele espaço, e o medo de não conseguir, de fato, dar um fim naquele pequeno caos, vem à cabeça também. Fique firme! Você vai conseguir!
2 – Separar o que não serve:
Seja honesta!
Tudo o que está ali você precisa? Não? Separe…
Tudo na gaveta está em perfeito estado? Então, retire o que não serve mais…
Por que guardar cada objeto desses?
Faça um esforço e desapegue do que você não precisa. Se estiver quebrado ou você não usa, dê outros destinos: doe ou mande para o lixo reciclável!
3 – Categorizar:
Olhe para o que restou. Tudo realmente precisa estar na gaveta? Eu, por exemplo, achei na gaveta da cozinha coisas que tinham que estar no quarto ou no escritório (ou separadas, já que não eram usadas tão freqüentemente).
Aqui em casa nada tinha lugar certo, o máximo que se conservavam por mais tempo nos lugares eram os móveis pesados. Então fui à luta, e segui a risca as dicas de nossa amiga. Confesso que fiquei impressionada com os resultados.
4 – Agrupar objetos na gaveta:
O que deve ficar, de fato, na gaveta, não deve voltar para lá de qualquer forma. Coloque divisórias na gaveta que te permita agrupar os objetos por função, por exemplo. Isso ajuda bastante na visualização das coisas, localização e apresentação estética.
Na gaveta do escritório, por exemplo, reaproveitem. Nessa hora vale tudo: potinhos de vidro, formas de gelo, caixas organizadoras que caibam na gaveta, etc. e os objetos pequenos, como clips, não ficarão espalhados. O importante é agrupar o que realmente precisa estar ali e evitar a visão caótica de tudo amontoado, jogado de qualquer jeito. Na hora de achar algo, esse pequeno caos faz a gente perder tempo e paciência, não é verdade?
Viu? Os passos são básicos e não há nada de muito difícil em aplicar. Isso pode ser adaptado ao que mais você tiver em casa, ou no trabalho, e que você reconheça ser um local que virou um depósito bagunçado de inutilidades. Isso está te incomodando? Então, mãos á obra!!!
Bom, para mim ainda falta um pouco, mas o importante é começar, depois seguir a risca direitinho e conservar. Valeu...
Fonte: Copiei.

Leia Mais

quarta-feira, 7 de março de 2012

A força da imaginação


Feche os olhos. Não precisa fechá-los totalmente. Imagine a seguinte cena: um bando de pássaros voando. Quantos pássaros viu? Cinco, onze? Seja qual for a resposta – e dificilmente alguém sabe dizer o numero exato – algo fica claro nesta experiência.
Você pode imaginar um bando de pássaros, mas o numero de aves foge ao seu controle. A cena era clara, definida e, em algum lugar existe a resposta para esta pergunta. Quem definiu quantos pássaros iam aparecer na cena? Você não foi.
A: Paulo Coelho.

Leia Mais

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Seja um vencedor



Lute diante das coisas mais difíceis de sua vida com amor e sabedoria, para que um dia você possa olhar para traz e dizer: Foi difícil, mas venci!

Leia Mais

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Coraçãozinho

Meu coração batia descompassado dentro do peito,
Então perguntei o motivo de tamanha inquietação.
Respondeu-me ele:
- Quero sair, preciso ir buscar o amor!
Pobre coração,
Tão frágil e sensível,
Sentia-se carente de emoções diante de um mundo que não conhecia.
Um pouco amedrontada, deixei que se fosse...
Até que um dia voltou...
Não era o mesmo. Era triste e taciturno...
Foi aí que tive a estranha sensação
De que meu coração queria morrer,
E por um motivo bem comum,
Ele se apaixonou,
Não sabia o que fazer...
O coitado apaixonou-se, sem me dizer,
Talvez por isso tenha se entregado com toda a força,
Jamais esperando uma decepção.
Eu, que devia zelar por ele,
O deixei sofrer,
Sem saber... Sem querer...
Prometo-lhe coração, vou cuidar de você...
Não deixarei que se destrua.
Por que, se você morrer por esta paixão,
Sou eu que morrerei por você.
A: Ligia.
.

Leia Mais

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Arrogância

As pessoas de perfil arrogante raramente têm noção de que estão sendo desagradáveis. Se os familiares ou pessoas próximas não alertarem, elas poderão passar a vida tendo esse comportamento.
É preciso prestar atenção na maneira como tratamos os outros, como nos dirigimos a eles, ao modo como desejamos nos impor.
O arrogante sente-se dono da razão e portador de muitas qualidades.

Você é arrogante?
Responda a este pequeno teste e compare as respostas abaixo:
(Marque uma resposta por alternativa)

1) Quando alguém te faz um elogio, você:
A – Responde com um agradecimento
B – Discorda e diz “imagina, impressão sua”.
C – Agradece e ainda faz ajustes ao elogio recebido, enaltecendo suas qualidades.


2) Quando você comete um erro que prejudique outras pessoas alem de você:
A – Assume o erro e diz que vai arcar com as responsabilidades.
B – Fica quieto e espera que ninguém descubra.
C – Diz que a culpa não era sua, foi do colega que viu o erro e não te avisou.

3) Um colega de trabalho que tem um cargo semelhante ao seu na empresa é promovido. Só que você é um funcionário mais antigo que ele na empresa, você:
A – Acredita que ele tenha sido promovido por estar mais preparado para o cargo.
B – Reclama com seus colegas de trabalho por ele ter sido preterido.
C – Fica revoltado e começa a desqualificar o colega para outros funcionários.

4) Quando você está falando e é interrompido:
A – Pede licença à outra parte e continua.
B – Para de falar e desiste de continuar.
C – Fica irritado e discute com a pessoa que te interrompeu.

5) Durante uma conversa entre amigos, qual a sua reação diante de uma opinião que seja oposta à sua?
A – Acha normal, cada um tem sua própria opinião.
B – Muda de opinião conforme a pessoa fala.
C – Humilha a pessoa desqualificando a opinião dela.

6) Ao descobrir que um dos seus familiares está usando drogas você:
A – Vai conversar com a pessoa para esclarecer as coisas e prestar ajuda.
B – Prefere não se envolver.
C – Não se importa e espera que a pessoa se dê mal.

7) Quando você está com problemas na vida pessoal:
A – Procura pessoas próximas que poderão te aconselhar.
B – Não sabe o que fazer.
C – Raramente tem problemas na vida pessoal.

8) Durante uma discussão com seu cônjuge, você:
A – Coloca seu ponto de vista e escuta os dele.
B – Deixa que a pessoa discuta sozinha.
C – Ofende seu parceiro para acabar com a discussão e não fala com ele até que peça desculpa.

9) Em um restaurante, ao pedir um prato e vir outro. Você:
A – Chama o garçom, gentilmente o informa que o prato veio errado e pede que troque.
B – Come, pois está com fome.
C – Chama o garçom, cinicamente o corrige, criticando o trabalho dele e o atendimento do local.

10) Em seu trabalho, quando um subordinado comete um erro ou atrasa um serviço, você:
A – Chama-o para conversar e dá dicas de como evitar transtorn
B – Resolve o problema sozinho.
C – O chama de incompetente e ordena que ele faça o serviço direito.

Respostas:
 Se você respondeu a letra C em cinco ou mais questões do teste é muito provável que você possa ser visto como arrogante.

 Se a maioria das suas respostas foi a letra A, sua conduta social é normal.

 Já que respondeu a maioria das perguntas com a letra B também pode apresentar problemas.

Leia Mais

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Conselho de um velho apaixonado

Quando encontrar alguém e esse alguém fizer
seu coração parar de funcionar por alguns segundos,
preste atenção: pode ser a pessoa
mais importante da sua vida.

Se os olhares se cruzarem e, neste momento,
houver o mesmo brilho intenso entre eles,
fique alerta: pode ser a pessoa que você está
esperando desde o dia em que nasceu.

Se o toque dos lábios for intenso, se o beijo
for apaixonante, e os olhos se encherem
d'água neste momento, perceba:
existe algo mágico entre vocês.

Se o 1º e o último pensamento do seu dia
for essa pessoa, se a vontade de ficar
juntos chegar a apertar o coração, agradeça:
Algo do céu te mandou
um presente divino : O AMOR.

Se um dia tiverem que pedir perdão um
ao outro por algum motivo e, em troca,
receber um abraço, um sorriso, um afago nos cabelos
e os gestos valerem mais que mil palavras,
entregue-se: vocês foram feitos um pro outro.

Se por algum motivo você estiver triste,
se a vida te deu uma rasteira e a outra pessoa
sofrer o seu sofrimento, chorar as suas
lágrimas e enxugá-las com ternura, que
coisa maravilhosa: você poderá contar
com ela em qualquer momento de sua vida.

Se você conseguir, em pensamento, sentir
o cheiro da pessoa como
se ela estivesse ali do seu lado...
Se você achar a pessoa maravilhosamente linda,
mesmo ela estando de pijamas velhos,
chinelos de dedo e cabelos emaranhados...

Se você não consegue trabalhar direito o dia todo,
ansioso pelo encontro que está marcado para a noite...
Se você não consegue imaginar, de maneira
nenhuma, um futuro sem a pessoa ao seu lado...
Se você tiver a certeza que vai ver a outra
envelhecendo e, mesmo assim, tiver a convicção
que vai continuar sendo louco por ela...
Se você preferir fechar os olhos, antes de ver
a outra partindo: é o amor que chegou na sua vida.

Muitas pessoas apaixonam-se muitas vezes
na vida poucas amam ou encontram um amor verdadeiro.
Às vezes encontram e, por não prestarem atenção
nesses sinais, deixam o amor passar,
sem deixá-lo acontecer verdadeiramente.

É o livre-arbítrio. Por isso, preste atenção nos sinais.
Não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem
cego para a melhor coisa da vida: o AMOR !!!

A: Carlos Drummond de Andrade.

Leia Mais

Comigo agora

  ©Template Fragmentos (Textos, Poesias, etc) by Silmara Layouts