quarta-feira, 16 de junho de 2010

Eu Posso

Eu posso renascer agora
Eu posso refazer a aurora...
Eu posso iluminar o meu caminho,
Eu posso dar a mão ao meu vizinho...
Eu posso beijar o esfarrapado,
Como beijo as flores deste prado...
Eu posso ter um mundo de riqueza,
Eu posso ver a Deus na natureza...
Eu posso encher de amor o coração,
E fazer desta vida uma canção...
Eu posso - e sei que eu preciso -
Fazer da vida um paraíso...
Posso - é a FORÇA da energia
Que explode em mim e se irradia...
Eu posso - é a oração da Divindade
Que produz em mim a realidade...
Eu posso erguer os olhos para o céu
E ver tudo branco como um véu...
Eu posso reconstruir a minha casa
Eu posso ter tudo o que me apraza...
Eu posso renovar a minha saúde,
Pois na vida não há nada que não mude...
EU POSSO - é a oração bendita
Da minha Força Infinita!
Eu posso perdoar meu inimigo
Porque vem a mim tudo que eu bendigo!
Eu posso fazer da vida uma festa
Por todo o tempo que me resta.
Eu posso! Eu posso! Eu posso!
Porque este mundo todo é nosso!
(Lauro Trevisan)

0 comentários:

Comigo agora

  ©Template Fragmentos (Textos, Poesias, etc) by Silmara Layouts